Mapa Astral

Mapa Astral
O teu MAPA ASTRAL ajuda-te no auto-desenvolvimento

domingo, 8 de maio de 2011

emoções


Memorando:

- ser pragmática é não deixar nada ao acaso

- evitar cair em atitudes contraditórias; antes esforçar-se por hamonizar conflitos

- em termos afectivos, afastar os saudosismos, e encarar novas possibilidades emocionais, sinal de grande maturidade emocional.

- reforçar laços sentimentais ou de amizades, mas não exigir demasiado dos outros, actuar de forma discreta, mas segura, face a novos conhecimentos

(seja uma Einstein emocional)

1 – conheça as próprias emoções: ser capaz de identificar os próprios sentimentos no momento em que ocorrem é um dos princípios básicos da Inteligência Emocional. Só assim poderá conhecer-se a si mesmo e perceber porque sente e age de certa maneira. Isso permite-lhe governar melhor a sua vida e saber porque motivo toma certa decisão.

2 – resolva as emoções: tal capacidade nasce do auto-conhecimento e vai fazer com que aprenda a lidar com os sentimentos que surgem diariamente. Isto significa maior facilidade em recuperar das atitudes difíceis, o que lhe permitirá saborear as emoções positivas com outra intensidade.

3 – motive-se a si mesmo: se colocar as emoções ao serviço de umobjectivo aumentam as probabilidades de ter sucesso, pois ficará logo motivada. E, aumenta a criatividade. Esta aptidãogarante maiores e melhores desempenhos

4 – tenha empatia: a capacidade de reconhecer os sentimentos alheios, enriquece a sua personalidade, gera altruísmo, inspira afecto. As pessoas empáticas são mais sensíveis ao mundo que as rodeia e depressa se apercebem das suas necessidades. Em caso de crise, num instante recebem ajuda de colegas e amigos.

5 – oriente os relacionamentos: para haver um contacto social tem de saber gerir as suas emoções. E as alheias também. Desta competência depende a sua popularidade e a qualidade das relações que mantiver com os outros. Assim se estabelece se tem, ou não, perfil de líder.

6 – espere pela recompensa: suportaria uma longa espera só para receber um prémio chorudo em vez de uma lembrança? A resposta dirá muito sobre si. Ter, ou não, autocontrole emocional (adiar a recompensa e dominar a impulsividade) afecta a personalidade e a forma de viver, tornando-a, por exemplo, mais calma ou impetuosa.

David Goleman (casais)

Como evitar certos conflitos?

Os conflitos nem sempre são maus. Não saber resolvê-los é o pior. Um erro que muitos casais cometem é atacar de imediato o parceiro emvez de manifestar a sua insatisfação de modo mais construtivo. Por ex., deviam dizer “depois do duche deixas a toalha na cama o que molha os lençóis e atrasa a arrumação do quarto. Isso é muito cansativo para mim”

Mas na realidade optam por gritar, em tom furioso, “olha para isto, és o maior porcalhão que já vi”. Isto não facilita o diálogo. O outro fica logo na defensiva, parece que nem está a ouvir nada, o que dificulta ainda mais a comunicação. Então, a mulher, irrita-se, e sobe o tom de voz, intensifica o seu ataque, acrescentando toques de desprezo e repulsa ao discurso. Estas situações desgastam a relação e afastam as pessoas por muito que se amem.

As mulheres são emocionalmente mais inteligentes do que os homens?

Depende das áreas. As mulheres são, por natureza, mais empáticas. Desde crianças que foram ensinadas a lidar com sentimentos, tornando-se ao longo da vida numa espécie de administradoras emocionais. A nível de empatia, os homens podem aprender muito com elas. Por outro lado, demonstram maior dificuldade em controlar os estados de humor. Está provado que são duas vezes mais propensas á tristeza, desânimo ou apertos no peito. Cada sexo enfrenta esse mal-estar de forma diferente. Elas discutem com uma amiga as causas da neura, mas remoer esses porquês apenas prolongará tais sentimentos. Quando tristes, eles vão andar de Kart, correr, beber um copo num bar da moda, ganhando assim força para ultrapassar mais depressa esses estados depresssivos.

Enviar um comentário