Ano 2018

Ano 2018
O Jogo que te traz informações e mensagens para 2018!

quinta-feira, 3 de maio de 2018



Em cada canto há luz!


Em cada canto, por onde caminhamos, mesmo quando a ausência de luz se assemelha a escuridão, encontramos penumbra, e isso significa que afinal, existe luz...
Os seres humanos afastam a dor de si próprios, pela razão que sabemos; mas ao vivê-la, acaba-se por deixar de a ter, além de que se compreendermos que somos nós os criadores dessa dor, então, torna-se mais fácil perdê-la.
Aprender a amar é uma tarefa diária, que nem sempre estamos conscientes disso; a maioria das pessoas considera-se sabedor do que é amar, da mesma forma que acha que casar-se e ser pai, é algo que se sabe desde que se nasce; se assim fosse, porque existe tanto sofrimento? Ao partilhar a minha caminhada, posso demonstrar que as vossas crenças podem ser transformadas noutras que vos traga mais-valia, na forma como se referenciam, na gestão das vossas emoções, e descubram que é possível viver em maior harmonia e equilíbrio. É um desafio árduo, como qualquer batalha, mas cada um de vós é um/a guerreiro/a, e mediante essa premissa, tenho a certeza que podem caminhar de fronte erguida.
Além disso, não estamos sós, ao nos comprometermos uns com os outros, sabemos de antemão que somos uma equipa disposta a todo o esforço e, por conseguinte, aliarmos a sabedoria e o conhecimento de cada um, fortalecemos a nossa armadura e confiança, porque estamos preparados para as intempéries.
O sorriso nasce no nosso coração, por que sabemos que alcançamos a vitória, por que a Vida não nos traz nada para a qual não tenhamos capacidades; ora, se estamos unidos, a tarefa tem um desempenho melhor, na medida em que possuímos mais instrumentos do que estando sós. A escolha da solidão, durante a caminhada, só é enriquecedora, quando se veste de reflexão; se traz consigo o tom do abandono voluntário, isso significa ignorância e egoísmo.
Como, porque e quando é que deixamos de gostar de nós? Este é o primeiro passo para compreender a dor. Deixo-vos o desafio de me responderem, uma partilha, cujo objectivo é uma vida mais feliz!
Ana Guerra
(escrita sem acordo ortográfico)

Enviar um comentário